Site acessível em libras
Tamanho das fontes
institucional

Histórico

 

         A idéia de fundação da APAE em Canguçu surgiu da vontade do casal Ary e Magali Borges pais de dois filhos portadores de deficiência, apoiados pelos gestores da Prefeitura Municipal de Canguçu e da FENAPAE, tendo com vice-presidente no Rio Grande do Sul o Dr. Domingo José Fredo.

           No dia 08 de agosto de 1986 uma reunião festiva do Rotary  Club de Canguçu, no Salão do Clube Harmonia, constando de jantar, com presença de cento e cinqüenta(150) pessoas, inclusive o Dr. Domingos Fredo e esposa, este desenvolveu elucidativa palestra sobre a utilidade e possibilidades de criação da APAE.

           Aos 23 dias do mês de setembro de 1986, às 20h 30min, no salão da SMEC, instalou-se a Assembléia Geral, convocada para a fundação da APAE de Canguçu, durante a reunião foi aprovado o estatuto e a formação da diretoria, tendo como Presidente o Sr. Joaquim Tavares Alves da Fonseca.

           No dia 13 de março de 1989 foi eleito o Sr. Ary da Silveira Borges como Presidente.

           O Presidente durante o período de sua administração conseguiu a doação de terreno-sede, havendo um chalé no mesmo, onde deu  início atendimento a quatro alunos, em agosto de 1989, contando com técnicos voluntários e uma professora cedida pela Prefeitura Municipal estabelecendo Convênio com a extinta LBA.

        No período de 1991 a 1993 assumiu a Presidente Ivete Posser Duarte, durante sua administração: regularizou a situação dos recursos humanos; construiu um prédio para o funcionamento da APAE, com uma área de 300m2 ; conseguiu com a Prefeitura Municipal a canalização de uma sanga que atravessava o terreno da APAE; também solicitou junto a Prefeitura Municipal a cedência de uma Kombi para o transporte dos alunos até a APAE, onde foi atendida; conseguiu habilitação para a APAE, junto a Federação Nacional das APAEs, registro no CNss, registro na FADERS e encaminhou projetos, sendo atendida nas esferas Municipal, Estadual e Federal, foi realizada a 1ª Semana do Excepcional a nível de município, com diversos eventos.

         No período de 1993 a 1994 assumiu a Presidente Gladis Maria Moreira da Silva, sendo reeleita para o biênio 1995 e 1996, durante sua administração teve muitas conquistas para a Instituição, que foram as seguintes: grades para as janelas e portas para todo o prédio, para maior segurança; aquisição de material didático-pedagógico, construção de um salão para recreação dos alunos e realização de eventos; aquisição máquinas para marcenaria e mobiliário para sala de aula, como classes, cadeiras, armários; lançamento da primeira cartilha sobre prevenção das deficiências; a primeira participação de um Congresso Nacional, em Blumenau-SC, dos professores e técnicos, estruturação do atendimento pedagógico; a cedência de professores e motorista; aquisição de telefone e transporte escolar próprio para a APAE; construção de um prédio com salas de aula e salão para oficina e construção de sala específica para maquinário da marcenaria.

          No período de 1997 e 1998 e nos anos de 199 a 2001, assumiu a Presidente Leila Terezinha da Silva Ferreira, durante sua administração conseguiu comprar uma VAN para transporte escolar e máquina copiadora, estabeleceu convênios com a Prefeitura Municipal; realizou reforma e ampliação de uma garagem para transporte escolar e equipou o refeitório com móveis novos; conseguiu a instalação de um sistema de alarmes. Reformulou o estatuto da APAE, nas conformidades da Federação Nacional e aprovação e permanência da atual Diretoria até março de 2001; em setembro de 2000 assume durante o Congresso Estadual como Delegada da 14ª Delegacia; participou do Congresso Nacional em Fortaleza; adquiriu uma piscina jjunto ao Rotary para realização de projeto de trabalho junto ao Portador de Deficiência.

            Em 15 de março de 2002 foi eleita a Srª Martone Blair Ávila Zanetti e empossada em 1º de abril, que teve como principal objetivo o Credenciamento e Autorização da Escola Especial Saber Viver, mantida pela APAE. Seu mandato foi prorrogado até dezembro de 2004. 

            Em  26 de novembro 2004 foi eleita a Srª Leila Terezinha da Silva Ferreira e empossada dia 01/01/2005 com mandato até  31/12/2006 com objetivo de dar continuidade a todos os serviços implantados e seguir sempre buscando novas oportunidades para a Entidade. Em 0 de janeiro de /2007 foi prorrogado o mandato até 31/12/2007. Em 08 de novembro foi realizada Assembléia Geral para eleição da nova diretoria com mandato de 01 de janeiro de 2008 a 31 de dezembro de 2010, ficando como Presidente a Srª Leila Terezinha da Silva Ferreira que dará continuidade as atividades já desenvolvidas. Em 10 de novembro de 2010 foi realizada Assembléia Geral para eleição da nova Diretoria com mandato de 01 de janeiro de 2011 a 31 de dezembro de 2013 tendo como Presidente a Srª Ingrid Fischer Grutzmann.

Missão

 

    Movimento de pais, amigos e pessoas com deficiência, de excelência e referência no país, na defesa dos direitos e prestação de serviços nas áreas de assistência social, educação e saúde.

Visão

 

          Promover e articular ações de defesa e garantia de direitos, prevenção, orientações, prestação de serviços, atendimento e apoio à família, direcionadas à melhoria da qualidade de vida da pessoa com deficiência e à construção de uma sociedade justa e solidária.

53 3252 2544 - cangucu@apaers.org.br
nas redes sociais