Site acessível em libras
Tamanho das fontes

Orientações e sugestões em tempo de isolamento social

Em 4/24/2020 às 10:36

Orientações   e sugestões  em tempo de isolamento social

DICAS IMPORTANTES: Organize a rotina das crianças de maneira a contemplar uma variedade de atividades. Podemos incluir tarefas domésticas próprias para cada idade.

Mesmo que você nunca tenha pensado nisso, nossos filhos são capazes de nos ajudar desde pequenos a fazer muitas tarefas em casa. Não se trata de deixá-los fazer tudo sozinhos, mas de incluí-los nas tarefas para que adquiram responsabilidades pouco a pouco.

O importante é escolher tarefas adequadas para cada idade. Além de dar a oportunidades de fazê-las mesmo que errem. Há crianças que nunca perguntam, nem mostram interesse pelas tarefas da casa. Mas há outras que querem ajudar e colaborar.

Nossos filhos são capazes de fazer muitas das tarefas. A princípio, provavelmente, vão errar. Mas rapidamente aprenderão com seus erros.  Você deve deixá-los tentar e ajudá-los a terminar as tarefas quando não conseguirem ou melhorar seu resultado.

Existe uma série de tarefas que as crianças podem fazer de acordo com a idade. A seguir, vamos apresentar uma lista de tarefas dividida por idade, as quais as crianças podem ser capazes de fazê-las sem muita dificuldade.

 

Tarefas domésticas para crianças de acordo com a idade:

Dos 2 aos 3 anos

Se você quiser que as crianças tenham alguma tarefa em casa, tente dar tarefas bastante simples e relacionadas com a própria autonomia dos pequenos. Nessa idade, as crianças podem começar a comer e trocar de roupa sem ajuda.

Elas também vão adorar regar as plantas e nos ajudar a limpar o quintal. Também podem colocar a mesa das crianças com copos e pratos de plástico. Outra boa ideia é ensiná-las desde pequenas a guardar os brinquedos.

Dos 4 aos 5 anos

Nessa faixa etária, as crianças já têm maior autonomia e podem ajudar com mais tarefas domésticas. Elas podem arrumar e retirar a mesa ou dar de comer aos bichos de estimação todos os dias.

Também podem ajudar a recolher as folhas secas no quintal e regar as plantas com um regador.

Dos 6 aos 7 anos

Nessa fase, a primeira recomendação são as tarefas relacionadas com a autonomia pessoal, como lavar o rosto e escovar os dentes sozinhas.

Também devem colocar as roupas sujas no cesto de lavar, preparar a mochila, os deveres da escola e a roupa para o dia seguinte e manter o quarto arrumado todos os dias.

Elas podem nos ajudar a fazer a lista das compras e nos acompanhar no supermercado. Outras tarefas podem ser: atender o telefone e dar mensagens simples, além de ajudar a encher a máquina de lavar louça.

Ao realizar as tarefas domésticas, as crianças adquirem noções de responsabilidade e autonomia, que, certamente, serão essenciais no futuro.

Dos 8 aos 9 anos

 

Nessa idade, as crianças já podem nos ajudar com as tarefas domésticas propriamente ditas. Podem colaborar com tarefas mais específicas, como tirar o lixo, passar o aspirador de pó ou, inclusive, varrer.

Também podem colocar as roupas sujas do cesto na máquina de lavar ou arrumar as roupas limpas e passadas nas gavetas do armário.

Elas podem nos ajudar a lavar o carro e tirar o mato do quintal. Em relação à autonomia pessoal, já devem ser capazes de organizar sozinhas as tarefas da escola, as próprias roupas e manter o quarto sempre arrumado.

Dos 10 aos 12 anos

Nessa idade, as crianças já devem ter total autonomia. Devem tomar banho sem ajuda, organizar o quarto, manter o armário organizado com as roupas limpas e as gavetas ordenadas. Além disso, devem separar as roupas para o dia seguinte.

Elas podem fazer as lições sozinhas e preparar a mochila e os livros para o dia seguinte.

Dos 12 aos 14 anos

Por fim, meninos e meninas de 12 a 14 anos já devem ter uma total autonomia com relação aos deveres e às tarefas da escola. Além disso, também podem fazer tarefas simples para a família.

Outra ideia é pedir para nos ajudarem a encher a máquina de lavar roupa, separando as coloridas das brancas, estender as roupas para secar e dobrar o que não precisa ser passado, como pijamas ou roupa íntima e meias.

Também devem ajudar a arrumar e limpar a mesa e a máquina de lavar, além de varrer a cozinha depois das refeições.

Tarefas domésticas. Crianças adoram ajudar! Então use esse momento para ensinar responsabilidades e ganhar um ajudante em casa. Manter as coisas em ordem é importante para a vida em quarentena não virar um caos. Todos devem participar! Que tal tornar este momento mais divertido com música?

Cada família vai avaliar o que seu filho ou responsável poderá fazer e que esteja dentro das suas condições para que não fique tão ocioso.

 

Mantenha o ritmo!

 O momento é atípico. Mas manter o ritmo diário é importante para as crianças. Acordar, comer e dormir sempre no mesmo horário é fundamental. Nesse momento de turbulência e incertezas, ter a rotina do dia previsível e repetitiva (no que é obrigatório) faz a criança se sentir mais segura. Faça tudo sempre igual. Para colocar as crianças para dormir, por exemplo, siga sempre as mesmas etapas, na mesma ordem, criando um ritual.

Separe um tempo para atividades em que a própria criança possa fazer sozinhas. Aproveite esses momentos para realizar atividades do seu trabalho, cuidar da casa, e cuidar de si.

Outra questão que merece atenção: RESERVE UM TEMPO COM AS CRIANÇAS PARA REVISAR AS ATIVIDADES ESCOLARES. Não estamos de férias!!!

Dicas de atividades para fazer com as crianças e para não depender (tanto) dos eletrônicos

Vale ressaltar que o mais importante neste momento é usar a criatividade E o amor entre todos. Logo voltaremos a rotina. Então aproveite e divirta-se com seus filhos!

- Culinária. Crianças adoram cozinhar. Durante esse período separe algumas receitas e chame a criança para te ajudar, use a imaginação e use o amor como ingrediente principal. Preparar comida em família é uma atividade prazerosa e muito útil. Além do preparo, todos podem colaborar colocando a mesa e lavando a louça.

- Massinha de modelar caseira. Crianças adoram brincar de massinha de modelar e que tal produzir a própria massinha? É super fácil e muito divertido! Ingredientes: ¼ xícara de sal; ¼ xícara de água 1 xícara de farinha de trigo; 1 pacote de suco de sua preferência. Agora é só misturar bem, amassar durante uns 5 minutos e começar a brincadeira!

- Dobraduras. A internet é uma ótima aliada, você pode encontrar muitos modelos de dobradura. É só pesquisar, pegar o papel e mão a obra!

- Recorte. Estimule a coordenação motora fina, de folhas, livros, revistas para recorte, assim como massinha e materiais de diferentes texturas.

- Desenho a história. Leia uma história e peça que a criança faça um desenho. Se seu filho já sabe ler, peça para que ele leia, converse sobre e depois escreva um resumo. É importante que você faça junto, para que seja um momento de troca e companheirismo entre vocês

- Desenho imaginário. Use a imaginação e proponha que a criança faça desenhos livres.

- Escrita na areia. Se não tem a areia, pode usar o açúcar ou sal, essa atividade é ótima, pois em casa nos divertimos e estudamos ao mesmo tempo

- Revisar o conteúdo. Lembre-se as crianças não estão de férias! Pegue livres e cadernos e reveja com ele os conteúdos que já foram vistos na escola.

- Quebra – cabeças. Um clássico entre os jogos o quebra-cabeças traz possibilidades incríveis. Brinque com sua criança, você pode também imprimir na internet alguns modelos para que a criança pinte, recorte e cole.

- Cinema. Escolha um filme e assista juntos regado a muita pipoca e suco. Depois pergunte as crianças quais as cenas mais importantes e o que ela mais gostou no filme.

- Karaokê. Use a internet e procure no Youtube as músicas que vocês mais gostam e coloque a opção karaokê. Divirta-se!

- Ligar para família e amigos. Esse período de Coronavírus não é recomendando visitas e aglomerações, então use o celular para conversar com família e aqueles amigos queridos. Pode usar a chamada de vídeo.

- Teia de aranha. Espalhe linha pelo cômodo inteiro, e peça que a criança passe entre as linhas, mas sem esbarrar.

- Sequência de lego. Que tal já aproveitar as peças que você tem em casa e trabalhar o raciocínio lógico da criança? É só começar uma sequência de cores e formas para a criança continuar.

- Separar roupas e brinquedos. Convite a criança para dar aquela organizada no quarto e separar o que já não lhe serve mais. Aproveita para reforçar que doação é sempre um ato de amor ao próximo.

- Música para lavar as mãos. Aproveite esse momento para reforçar o cuido com a higiene pessoal e ensine seu filho. Escolha uma música e cante sempre para lavar as mãos.

- Imitação Brincar de imitar é fundamental para as crianças. Uma ideia é transformar isso em um momento para movimentarem-se. Siga o mestre! Você pode fazer uma série de movimentos, exercícios e alongamentos e os pequenos te imitam, colaborando com a educação e saúde física. Torne esse momento mais divertido fazendo coisas engraçadas!

 

Espero que logo possamos estar de volta!!!

Apae de Presidente Prudente

Claudia Cristina Faria

Psicopedagoga

 

 

Fonte: Apae de Presidente Prudente

(18) 3311-3000 - apae@apaeprudente.org.br
nas redes sociais